Programa de investimento EB-5 permite concessão do green card

Iniciativa garante o visto ao estrangeiro que realizar aporte mínimo de US$ 500 mil em negócios com capacidade de geração de pelo menos 10 empregos.

Ainda pouco conhecido no Brasil, o programa de investimento EB-5, voltado para pessoas físicas, foi criado em 1990 pelo governo dos Estados Unidos. A iniciativa visa assegurar o green card para investidores estrangeiros que atuam em negócios com potencial para geração de emprego nos EUA. O programa garante a concessão do green card ao investidor que realizar aporte mínimo de US$ 500 mil em uma entidade empresarial com fins lucrativos dos EUA e com capacidade de geração de pelo menos 10 empregos em áreas pré-determinadas pelo governo.

O investidor não precisa ter ligação ou obrigação com o negócio que foi gerado a partir do investimento. Ou seja, ele não precisa trabalhar no empreendimento em que investiu e nem morar perto. São duas modalidades de investimento: individual, onde investidores têm que achar um projeto de investimento e assumir um papel na supervisão gerencial do projeto; ou através do Centro Regional EB-5, que é mais focada na imigração e com menos responsabilidade na gestão direta do investimento. Cerca de 90% dos candidatos de EB-5 investem através de um Centro Regional.

A depender do desempenho do negócio, o green card provisório é concedido em um ano para o investidor, conjugue e filhos menores de 21 anos. Em dois anos é concedido o green card definitivo e, ao final do processo, é possível ter o retorno da quantia inicial empregada no programa. Desde a sua criação, o EB-5 já abriu cerca de 150 mil vagas de emprego nos Estados Unidos e forneceu cerca de 19 mil green cards para estrangeiros. 

Entendendo as dificuldades e os benefícios de se morar nos Estados Unidos, a Drim Properties atua no processo de transição de brasileiros que querem se mudar para Orlando e fornece assessoria completa para a obtenção do visto EB-5. Interesse que se justifica pela procura crescente de brasileiros pelo green card. Em 2014, foram 30 brasileiros que conseguiram o documento através do EB-5. Em 2013 foram apenas 11. A cada ano fiscal, a Imigração dos Estados Unidos e o Serviços de Cidadania reservam dez mil vistos para os investidores EB-5.

O programa permite que o investidor EB-5 more e trabalhe em qualquer região dos EUA, sem precisar de especializações, experiências profissionais específicas ou aguardar lista de espera para obter o green card. Além disso, os filhos dos investidores estarão qualificados a pagar anuidade reduzida nas universidades, sem limitação de idade e restrições com relação ao idioma.

Log In

Esqueceu sua senha? / Esqueceu seu usuário?